fbpx
Endomarketing: domine o conceito e a prática com esse post completo

Um dos principais objetivos de toda empresa que planeja crescer é ter uma equipe de colaboradores altamente motivados, produtivos, qualificados e comprometidos com a entrega de resultados. Acredite: é possível conquistar isso por meio da adoção do endomarketing.

A análise do ambiente interno de uma empresa é um fator muito importante nos dias de hoje, tanto para a retenção quando para a atração de talentos — já que rankings como “as melhores empresas para se trabalhar” têm ganho cada vez mais destaque e relevância para que bons profissionais de candidatem a uma vaga.

Se o seu objetivo é melhorar o ambiente interno da sua empresa, atraindo e retendo profissionais cada vez mais qualificados, reduzindo o turnover e aumentando a motivação e a produtividade da sua equipe por meio da adoção de novas técnicas e ferramentas de comunicação interna, você acabou de encontrar o guia definitivo de endomarketing que lhe conduzirá ao sucesso. Boa leitura!

O que é endomarketing?

Endo” vem do grego “éndon”, que significa “dentro”. Portanto, endomarketing, etimologicamente falando, quer dizer “marketing de dentro” ou “marketing interno”. O termo foi criado aqui no Brasil pelo professor Saul Bekin, autor do livro “Endomarketing — como praticá-lo com sucesso”.

Para o brasileiro, só é possível para uma empresa conceber um produto ou serviço que atenda às necessidades dos consumidores se houver comprometimento das equipes envolvidas, e é para mantê-las engajadas que serve o endomarketing.

Resumindo: são as estratégias de marketing com foco no aumento da motivação nas organizações e na prospecção e retenção de novos talentos. Fazem parte das estratégias de endomarketing o uso de ferramentas como:

  • plano de cargos e salários;
  • código de cultura corporativo;
  • gamificação para geração de engajamento;
  • programas de incentivo à qualificação;
  • testes comportamentais;
  • plataformas de comunicação interna;
  • eventos integrativos;
  • treinamentos;
  • políticas de reconhecimento;
  • materiais institucionais internos;
  • espaços colaborativos;
  • benefícios, entre outros.

O endomarketing enxerga os colaboradores de uma empresa como clientes internos, pois é da satisfação deles com o local e as condições de trabalho que depende o bom relacionamento da sua marca com os clientes externos e demais stakeholders.

Além disso, a estratégia vai muito além da simples motivação dos colaboradores para o aumento da sua produtividade. Quando bem aplicada, ela os transforma em verdadeiros embaixadores da sua marca. Por isso, o marketing interno é tão importante quanto o externo.

Nada pode ser mais devastador para a imagem de uma empresa do que seus próprios funcionários a difamando e expondo seus pontos fracos para o público geral. O inverso também é verdadeiro: nada pode fortalecer mais uma marca do que seus próprios colaboradores a defendendo e vestindo a camisa da empresa.

Quais são as vantagens do endomarketing para a sua empresa?

A implantação do endomarketing em uma empresa só traz vantagens, tanto para seus colaboradores quanto para a marca e seus clientes. Absolutamente todo mundo ganha com a estratégia. Veja a seguir os principais benefícios proporcionados pelo endomarketing:

Colaboradores mais satisfeitos e motivados

Quando se trabalha o endomarketing da empresa, seus colaboradores se sentem mais valorizados. Eles enxergam o potencial de crescimento próprio atrelado ao da empresa, e por isso trabalham com mais dedicação em busca de melhores resultados. Não estão lá somente pelo salário no final do mês, mas porque acreditam no que estão fazendo.

Quando se conquista esse espírito na equipe, o sucesso da empresa é garantido, não apenas pela qualidade e pela inovação trazidas pelo esforço dos colaboradores em fazer sempre o melhor, mas principalmente por defender a marca e difundir elogios aos seus atributos.

Sua empresa se torna famosa pela forma como cuida dos colaboradores, e é possível medir o seu sucesso pela quantidade de talentos que gostariam de trabalhar para a sua marca.

Equipes mais engajadas

Sabe aquele colaborador que se sente orgulhoso de dizer que faz parte do time A ou do time B da sua empresa? Ele curte, compartilha e comenta as postagens da marca nas redes sociais, posta suas conquistas e tem orgulho de mostrar ao mundo o seu trabalho, e principalmente, onde ele trabalha.

Só com a aplicação do endomarketing é possível fazer isso acontecer. A cultura de competição entre colaboradores e equipes dá lugar à cultura de colaboração pelo crescimento, tornando o bem da empresa uma causa para todos.

Aumento da produtividade

É claro que colaboradores motivados e engajados nas causas da empresa serão muito mais produtivos. Isso não se refere apenas a produzir mais e melhor, mas também à busca pela inovação, por melhorias que deem ainda mais destaque à sua marca.

Além disso, do ponto de vista comercial, uma empresa bem recomendada por seus funcionários consegue mais indicações e mais atenção do público em geral, o que acaba gerando mais demanda, e consequentemente a necessidade de uma produção maior.

Redução da taxa de rotatividade (turnover)

Colaborador motivado, engajado, satisfeito, produtivo e com expectativas de crescimento dentro de uma companhia não pensa em procurar outro emprego, não se desgasta com o líder ou com os colegas e simplesmente não quer ir embora. Com isso, todos lucram.

A empresa reduz suas despesas com treinamentos, demissões e contratações. Os colaboradores aprendem, se desenvolvem, crescem dentro da empresa e geram cada vez mais resultados por muito mais tempo. Se a empresa for comprometida com seus planos de cargos e salários, seus colaboradores jamais se acomodarão, pelo contrário: estarão sempre em busca do próprio crescimento, e consequentemente, da empresa.

Criação de cultura de inovação

Quando colaboradores estão buscando crescimento, como acabamos de mencionar, é natural que novas ideias surjam para a otimização de processos, melhorias de produtos e tecnológicas, entre outros tipos de inovação.

O profissional em questão estudará novas ferramentas capazes de torná-lo mais produtivo e dar mais qualidade ao seu trabalho, e é claro que isso refletirá no sucesso da empresa, impactando até mesmo os demais colaboradores.

A busca por novas formas de fazer as mesmas coisas acabará por alavancar a inovação dentro da cultura corporativa.

Mais oportunidades de negócios

Como já foi citado, o profissional satisfeito com o seu local de trabalho não mede elogios ao seu empregador. Esse tipo de propaganda positiva boca a boca acaba gerando indicações, e com elas, novas oportunidades de negócios.

Além de vendas, por meio do engajamento dos próprios colaboradores é possível também despertar o interesse de novos parceiros, e até mesmo de investidores.

Garantia de bem-estar e qualidade do trabalho

Motivação, satisfação, engajamento, inovação, expectativa de crescimento, colaboração: tudo isso junto é capaz de fazer com que o clima organizacional seja o melhor possível.

Uma boa ambientação garante mais bem-estar para as pessoas que convivem dentro da corporação, e consequentemente faz com que elas trabalhem melhor, com mais qualidade.

Mais competitividade para a empresa

Todos os benefícios citados até aqui acabam se tornando diferenciais competitivos para uma empresa, o que a coloca à frente da concorrência. Além dos produtos e serviços de melhor qualidade que só funcionários satisfeitos poderiam entregar, a empresa ainda tem a sua imagem fortalecida diante do mercado pelas referências positivas que recebe dos seus colaboradores.

O consumidor sempre vai preferir fechar com quem é bem recomendado e tem uma imagem positiva. Você compra de empresas que utilizam trabalho escravo, por exemplo?

Quais mudanças o endomarketing provoca na cultura da empresa no longo prazo?

A cultura organizacional é composta por valores, crenças, políticas, símbolos e comportamentos, que quando são colocados para seus colaboradores de forma clara e objetiva, acabam sendo agregados ao perfil pessoal de cada um.

Aqueles que não se adaptam à cultura da empresa costumam sair dela por livre e espontânea vontade. Por isso, no longo prazo, o endomarketing é capaz de impactar muito positivamente na cultura de uma empresa.

Por exemplo: em um ambiente em que a competitividade gera disputas entre colegas de trabalhos, quando são implantadas ações de endomarketing que estimulam a colaboração, essa “cultura” de competição acaba sendo destruída, dando lugar a práticas mais saudáveis de crescimento pessoal.

Do mesmo modo que quando se tem um plano de cargos e salários acaba-se criando a cultura do feedback, para que o colaborador saiba os pontos que precisa trabalhar para ocupar um novo cargo — o que gera um incentivo ao crescimento pessoal de cada.

À medida que novas crenças e valores vão sendo incluídos na cultura da empresa por meio do endomarketing, a marca vai sendo modificada e fortalecida, até que se chega a um ponto em que o perfil do colaborador ideal fica muito claro para a empresa, pois ele precisa compartilhar dessas mesma crenças, dos valores e dos comportamentos da instituição.

Como implementar o endomarketing de maneira eficiente?

Escolha os objetivos estratégicos

As campanhas e ações de endomarketing funcionam como as de marketing, ou seja, precisam ter um objetivo a ser cumprido ou se transformarão em ruído de comunicação.

Por exemplo: se você deseja que seus colaboradores busquem mais qualificação, ofereça a eles como incentivo um plano de carreira, além de cursos e treinamentos. Se você deseja melhorar o ambiente da organização, promova eventos de integração social, como festas e passeios, e se deseja motivar seus colaboradores, invista em políticas de reconhecimento com bônus e premiações para mais produtividade e capacidade de inovação.

Conheça bem seus colaboradores

A própria cultura da empresa ajuda nesse ponto, pois os que se enquadram nela acabam tendo sempre um perfil bem parecido, com crenças, comportamentos e valores em comum. No entanto, como em qualquer campanha de marketing, é fundamental conhecer muito bem esse perfil.

Entender o que motiva seus colaboradores, quais são os sonhos deles, suas expectativas em relação ao próprio crescimento dentro da empresa e até mesmo saber mais sobre seus relacionamentos e suas atividades externas — como a família e a prática de algum esporte — pode fazer toda a diferença na hora de planejar as ações de endomarketing.

Por exemplo: se você identifica que tem colaboradores com problemas para deixar os filhos em casa para trabalhar, pode investir em parcerias com creches próximas à empresa. Se descobre que seus colaboradores gostam de jogar futebol, pode formar times nos departamentos e promover campeonatos.

São inúmeros os insights que poderão surgir para ações criativas e engajadoras partindo do simples conhecimento de cada um dos seus colaboradores.

Defina uma equipe para liderar as ações de endomarketing

Não existe sensação melhor para um colaborador em uma empresa do que a de pertencimento. Quando ele sente que faz parte de algo, fica muito mais motivado. Por isso, envolver seus colaboradores na organização e no funcionamento das ações de endomarketing fará com eles as valorizem ainda mais.

Estimule cada equipe da sua empresa a se envolver na liderança de pelo menos uma ação de endomarketing. Por exemplo: peça ajuda a eles para a organização de eventos, sugestões para a confecção de uniformes para as equipes esportivas da empresa, incentive-os a compartilhar conhecimentos, entre outras iniciativas.

Faça as áreas de marketing e RH trabalharem juntas

Um dos principais benefícios do endomarketing é a integração entre as equipes da sua empresa, e nada mais justo do que iniciá-la pelos times de RH e marketing. Certamente serão produzidas ações muito mais completas e criativas com as duas equipes envolvidas.

A área de RH tem acesso e conhecimento sobre os colaboradores, enquanto o marketing sabe quais ferramentas usar para chegar ao coração deles. Por exemplo: o RH sabe quais são as principais queixas e dúvidas dos colaboradores de uma empresa. Na mão da equipe de marketing, essas informações podem se transformar em um manual da cultura corporativa e em um plano de ação para a solução de problemas.

Investir em peças gráficas, vídeos, brindes e outros recursos de marketing para disseminar a cultura da empresa entre seus colaboradores é uma excelente forma de mantê-los engajados.

Melhore a comunicação interna

Ainda é comum encontrar empresas em que a comunicação só acontece verticalmente, ou seja, de cima para baixo. Somente os líderes falam, expõem suas expectativas e queixas, enquanto o que passa pela cabeça dos liderados é ignorado.

Quando esse cenário muda e a comunicação se torna horizontal, ou seja, todos têm o direito de se expressar — e, principalmente, todos são ouvidos —, torna-se surpreendente a quantidade de melhorias simples que podem ser feitas no ambiente corporativo.

Além disso, seus colaboradores estão na linha de frente, têm contato direto com seus clientes e problemas do dia a dia da empresa, por isso, ninguém melhor do que eles para fornecer insights para a solução desses problemas.

Investir em canais de comunicação capazes de tornar acessíveis as opiniões, expectativas e frustrações dos seus colaboradores é uma ótima forma de conhecê-los e de manter-se informado sobre o que acontece na empresa. Além disso, o direito de expressão por meio desses canais elimina as fofocas e as conversinhas de corredor.

Invista em eventos internos

A empresa realmente não precisa de fofoca, mas a socialização entre os seus colaboradores é muito importante para manter um ambiente saudável na organização. Por isso, investir em festas de aniversário coletivas e eventos comemorativos — como festas de final de ano e aniversário da empresa — ajuda a criar elos mais fortes entre as pessoas que fazem parte das equipes.

Outras ações que têm se tornado comuns são eventos que levam familiares e pets para conhecer a rotina dos colaboradores na empresa. Esse tipo de iniciativa provoca no colaborador o orgulho e de si mesmo e da posição que ocupa na empresa — além de despertar nele o sentimento de pertencimento do qual já falamos.

Promova cursos e treinamentos

A promoção de cursos e treinamentos é um dos melhores investimentos em endomarketing que podem ser feitos. Além de motivar o colaborador, fazendo com que ele se sinta valorizado, ainda o qualifica e o ajuda a desenvolver habilidades e conhecimentos.

É o tipo de iniciativa das mais importantes dentro de uma corporação, daquelas em que absolutamente todos saem ganhando.

Crie uma política de reconhecimento e feedback

O feedback é uma das ferramentas de gestão de pessoas mais eficientes que existe. Um colaborador só sabe como pode melhorar se for informado por seus líderes — e vice-versa.

Por isso, estimule essa política dentro da empresa. Torne o dar, pedir e receber feedbacks um hábito entre seus colaboradores e gestores, mas principalmente, crie formas de reconhecimento do esforço dos seus colaboradores — mesmo quando o feedback não for totalmente positivo.

Premiações e programas de aperfeiçoamento são muito bem-vindos nesse momento. Experimente associar isso ao gamification e surpreenda-se com os resultados!

Elabore um plano de cargos e salários

Nada é mais gratificante ou demonstra melhor o reconhecimento pelo esforço de um colaborador do que uma promoção ou um aumento de salário. Por isso, é muito importante que eles saibam, de forma muito clara, que poderão ter isso de acordo com o seu desenvolvimento.

É muito importante que seus colaboradores conheçam a estrutura de cargos e a hierarquia da empresa, e mais ainda: que tenham como saber quais são as skills necessárias para que conquistem o cargo dos seus sonhos. Isso os estimulará a buscar aperfeiçoamento pessoal constante, além de serem mais produtivos.

Ofereça benefícios

Muitos benefícios são responsáveis pela atração e retenção de talentos. É comum um profissional preferir trabalhar em determinada empresa em detrimento de outras por causa dos benefícios oferecidos.

Vale cultura, biblioteca, lanchinhos, além dos benefícios básicos — como plano de saúde e odontológico, vale alimentação e refeição, entre outros — são diferenciais que transformam a sua empresa no local em que muitos grandes talentos gostariam de trabalhar.

Empresas listadas em rankings como “melhores empresas para se trabalhar” têm esses tipos de benefícios em comum.

Como uma agência de endomarketing pode contribuir para essa estratégia?

Como qualquer outra empresa especializada em determinado assunto, as agências de endomarketing têm diferenciais que só especialistas que lidam com os desafios da estratégia diariamente podem oferecer.

Seus profissionais conhecem o mercado, os cases de sucesso e já têm uma ideia do que funciona ou não. Além disso, como já passaram pela implantação de projetos de endomarketing em outras empresas, já têm experiência para saber quais desafios vão enfrentar e como superá-los.

Por isso, é muito importante contar com a expertise de uma agência de endomarketing na hora de planejar e implantar o seu projeto.

Como o endomarketing se associa ao conceito de endobranding?

O endobranding é o conjunto de práticas que visam difundir a cultura e o posicionamento da empresa para o seu público interno, ou seja, seus colaboradores. Assim como no branding externo, o endobranding conta com materiais e ações elaborados para transformar seus profissionais em “evangelizadores” da marca para a qual trabalham.

Dessa forma, podemos dizer que o endobranding faz parte do endomarketing, uma vez que é ele o responsável pela percepção que os colaboradores têm da empresa onde trabalham.

Quais são os exemplos e cases de sucesso de ações de endomarketing?

A seguir serão abordados brevemente alguns cases inspiradores de endomarketing para ajudar você a pensar em como melhorar o marketing interno da sua empresa. Confira!

Toyota

A empresa treina seus colaboradores por 5 meses antes de começarem a trabalhar. Durante esse tempo, os profissionais conhecem todo o processo de produção e comercialização dos automóveis, de ponta a ponta. Desse modo, ao final do treinamento, se tornam capazes de sugerir inovações e melhorias de processos. Ouvir seus colaboradores é uma das prioridades da empresa.

Golden Cross

A brasileira dos planos de saúde investiu mais de 750 mil reais em programas de incentivo para seus funcionários — desde o financiamento de reformas ou compra de casas para seus profissionais até a premiação com eletrodomésticos por produtividade. A empresa percebeu que melhorar a qualidade de vida dos seus funcionários os tornaria mais produtivos.

Fiat

A Fiat investe na comunicação interna e na experiência do colaborador dentro da empresa. Os primeiros a fazerem test drive em novos modelos que ainda nem foram lançados no mercado, por exemplo, são os funcionários da empresa. Além disso, a Fiat entende a importância da comunicação clara e procura tornar o mais acessível possível as informações sobre vagas abertas — inclusive aquelas que visam a promoção de funcionários da empresa.

Como você pôde perceber, o endomarketing é uma estratégia poderosa para aumentar os resultados da sua empresa, não apenas do ponto de vista da produtividade, mas também das vendas e da percepção da sua marca pelo mercado.

O que achou desse nosso guia sobre endomarketing? Está convencido a melhorar a vida dos colaboradores e os resultados da sua empresa com essa estratégia genial? Então assine a nossa newsletter e receba mais conteúdos úteis como este diretamente na sua caixa de e-mails!

Relacionados