fbpx
Líder, você realmente sabe como tomar decisões rápidas e certas?

Quando pensamos nas habilidades de um bom líder é comum lembrarmos da rapidez e efetividade na tomada de decisões. Ao imaginar uma pessoa no comando, dificilmente idealizamos um indivíduo que fica parado, olhando para o nada e na espera de alguém decidir pelo melhor caminho quando os rumos parecem incertos e indefinidos.

Lideranças precisam com frequência tomar decisões desafiadoras. Definir os caminhos da empresa, contratar e demitir funcionários, compartilhar más notícias, promover e reconhecer um colaborador são algumas das escolhas do cotidiano de quem está no comando.

Saber como tomar decisões rápidas e certas é fundamental para o sucesso de qualquer profissional em um cargo de liderança. Quer entender como tornar seus processos de escolha mais fáceis e certeiros? Confira a seguir!

O que um líder precisa ter para tomar boas decisões?

Um profissional em posição de comando se movimenta rápido, consegue analisar muito bem o cenário apresentado e atua mediante as informações que foram passadas.

Além disso, consegue equilibrar suas emoções, usar a razão e escolher, entre várias alternativas, aquela que trará o melhor benefício para si, para os funcionários e para a empresa como um todo.

O conjunto de características fundamental em um bom líder é composto por: inteligência emocional, habilidade para lidar com incertezas e confiança na intuição. Entenda mais a seguir!

Inteligência emocional

Refere-se à capacidade de entender e administrar suas emoções e as dos funcionários. É uma característica muito importante, pois a forma com que o líder se posiciona perante seus liderados é contagiante.

Autoconsciência, autogestão, consciência de grupo e gestão de relacionamentos são a base de todos os aspectos da inteligência emocional. Ao dominar esses elementos, você saberá reconhecer suas emoções, influenciar os outros, expressar com calma seus desejos e metas e explicar os motivos que levaram a uma determinada decisão.

Habilidade para lidar com incertezas

Por que é tão difícil fazer escolhas? Geralmente devido às inúmeras variáveis envolvidas e os múltiplos outcomes possíveis. Ninguém gosta de caminhos incertos, pois eles provocam desconforto e dificultam análises racionais.

A melhor forma de lidar com a incerteza é aceitá-la. Assim, fica mais fácil tomar decisões com o tempo, recursos e informações disponíveis. Um bom líder sabe averiguar a importância dos dados faltantes no processo de decisão e consegue limitar as escolhas possíveis, tornando o processo mais fácil, racional e lógico.

Confiança na intuição

Confiar em si mesmo, na sua expertise e não ficar empacado em um ciclo de pensamentos exagerados é primordial para qualquer profissional em um cenário de comando.

Quanto mais você sabe sobre sua área de atuação, melhor será sua intuição. Torne-se especialista no ramo em que você trabalha e use a sua intuição como um guia em momentos difíceis.

Para conseguir escutar o que sua intuição tem a dizer é importante criar momentos de silêncio na rotina conturbada do dia a dia. Lembre-se de separar alguns minutos longe do computador, e-mail, celular e redes sociais. São nesses períodos de desconexão que muitas respostas se tornam claras.

Como tomar decisões?

Escolher entre várias alternativas não é uma tarefa fácil, ainda mais quando a sua escolha pode impactar positiva ou negativamente a vida de muitas pessoas. Por isso, listamos a seguir 7 passos que podem ajudar em momentos de incertezas. Confira!

1. Analise a situação

Qual é o motivador por trás da tomada de decisão? O que acontecerá assim que a escolha for feita? Quais serão as pessoas impactadas? Essas perguntas guiarão o processo.

2. Sujeite sua decisão à opinião pública

Imagine que a sua escolha seja exibida na primeira página de um grande site de notícias. Como você se sentiria? Você buscou ajuda e feedback antes de tornar público o seu veredito?

3. Escute o seu time de liderados

Crie um ambiente favorável ao compartilhamento de ideias e seja transparente com relação ao problema.

4. Estime a razão entre recompensa e risco

Saiba exatamente quais são os ganhos máximos e mínimos e verifique se eles compensam as ameaças.

5. Tome uma decisão mesmo sem ter todas as informações

Identifique o cenário apresentado, limite as opções e confie na sua experiência.

6. Pense no longo prazo

É fácil optar pelo que é mais conveniente, porém nem sempre é a melhor opção para o futuro da empresa. Tenha em mente o que é certo e não o que resolverá momentaneamente a situação.

7. Tenha um plano b

Caso você perceba que escolheu o caminho errado, saiba exatamente o que fazer em seguida. Um bom plano de apoio é um grande diferencial entre um bom líder e um ótimo líder.

Como ter certeza de que posso fazer a escolha?

É comum que em momentos de alta pressão surjam dúvidas sobre ter ou não a competência necessária para decidir pelo melhor caminho para a empresa. Por isso, é importante fazer 3 simples perguntas antes de iniciar o processo.

  1. Eu sou a pessoa certa para decidir?
  2. Esse é o melhor momento?
  3. Eu tenho as informações necessárias?

Se a resposta para qualquer uma dessas perguntas for uma negativa, encaminhe o processo para outra pessoa, adie a decisão ou adquira as informações que estão faltando — aquelas que você realmente precisa para se sentir seguro. Essa pequena reflexão pode fazer muita diferença na hora da dúvida e incerteza.

Por fim, lembre-se sempre de definir um timeframe para a tomada de decisão. Ter uma deadline clara ajuda a manter o foco e evitar distrações. Quanto menor for o prazo e maior a pressão, mais rápido você chegará ao centro do problema. Assim, seguindo as dicas deste artigo, você conseguirá fazer a escolha certa no menor tempo possível.

Agora que você já sabe como tomar decisões, é o momento de colocar a mão na massa! Comece fazendo uma autocrítica para averiguar se você já possui tudo o que um líder precisa para fazer boas escolhas. Se sim, comece a praticar seguindo os 7 passos que estão logo acima. Do contrário, você já sabe o que precisa melhorar para continuar crescendo na carreira.

Não deixe de compartilhar este post nas redes sociais. Dividir conhecimento é outra característica de um ótimo líder!

Relacionados