Conheça as 4 principais barreiras da comunicação interna em empresas e saiba superá-las

Os problemas de comunicação dentro de uma empresa são responsáveis pelo fracasso em atingir muitos dos objetivos estabelecidos. Isso acontece porque muitas informações não chegam às pessoas envolvidas ou, quando chegam, estão distorcidas.

O que causa essa dificuldade no repasse de informação são as barreiras da comunicação, que devem ser evitadas para que o sucesso da empresa seja garantido. As informações perdidas ou deturpadas no caminho percorrido entre o emissor e o receptor trazem consequências desastrosas para empresa: desde processos trabalhistas e redução de produtividade até a baixa qualidade de produtos e serviços, passando pelo atendimento precário ao cliente.

Claro que ninguém quer ter que lidar com esses tipos de problemas dentro de uma empresa, e o modo de evitá-los é identificar e superar as barreiras de comunicação. Essa tarefa parece complicada, mas pode se tornar bem simples com o uso das estratégias corretas. Para ajudar você, preparamos este post que abordará as principais características e meios de superação desse problema silencioso, mas sério, que ocorre nas empresas. Tenha uma ótima leitura!

Quais as principais consequências das barreiras de comunicação?

Informações incompletas ou distorcidas

É o famoso telefone sem fio, muito comum dentro das empresas e, até mesmo, nas relações pessoais. Quase sempre acontece quando a informação é passada de boca em boca e não de maneira coletiva, por uma única pessoa, no mesmo momento.

Essas informações que não chegaram aos seus destinatários, ou que foram deturpadas, são as principais causas do famoso “eu não sabia que era assim” e acabam se tornando uma espécie de apoio para que atividades não sejam realizadas como deveriam.

Decisões não comunicadas

Muitas decisões importantes tomadas pelos gestores da empresa, muitas vezes relacionadas até mesmo aos objetivos e metas do negócio, não chegam a ser divulgadas nos setores táticos e operacionais.

E a falta de conhecimento dessas mudanças faz com que não sejam respeitadas, gerando um desalinhamento entre diretoria, gerência e operação, fazendo com que cada camada da companhia trabalhe por objetivos e metas diferentes.

Falta de alinhamento entre departamentos

Assim como ocorre o desalinhamento entre as hierarquias da empresa, as barreiras de comunicação também causam problemas entre os departamentos que deveriam trabalhar em conjunto para realizar entregas mais completas e integradas.

Um exemplo claro disso vem sendo resolvido, nos últimos anos, com a estratégia de vendarketing (vendas + marketing). A falta de alinhamento entre as áreas de marketing e de vendas acaba gerando a perda de negócios, simplesmente porque a comunicação entre os departamentos não ocorre de modo claro e objetivo.

Quais os tipos de barreiras de comunicação?

1. Barreiras mecânicas

As barreiras mecânicas são causadas por equipamentos de comunicação que não funcionam como deveriam. Por exemplo, internet lenta ou com quedas constantes, linhas telefônicas com chiados, computadores com travamentos, sistemas operacionais desatualizados, intranet com falhas etc.

2. Barreiras psicossociais

Esse tipo de barreira é mais comum do que pode parecer e é causada, na sua essência, pelo preconceito social. Ela pode abranger desde condições socioeconômicas e culturais, até as questões relacionadas à homofobia, machismo, racismo etc.

3. Barreiras pessoais

Dentro das empresas, é muito comum se formarem as famosas “panelinhas” que reúnem as pessoas com características semelhantes. Muitas vezes, a falta de integração entre esses grupos e até mesmo uma pitada de competitividade pode prejudicar a comunicação de seus membros, alimentando algumas antipatias.

4. Barreiras burocráticas

Muitos processos de gestão facilitam o surgimento de barreiras de comunicação burocráticas. Por exemplo, o bloqueio de conexão com a internet para parte dos colaboradores, por questões disciplinares ou de economia, pode impedir que eles recebam comunicados importantes.

Quais as principais causas das barreiras de comunicação?

Omissão

O que não foi comunicado pode trazer muito mais prejuízos a uma empresa do que algo dito desnecessariamente. Portanto, omitir informações dos colaboradores só os torna ignorantes dos reais desafios e objetivos da empresa.

Além disso, os feedbacks não devem ser economizados, sejam negativos, sejam positivos. Eles são de extrema importância e fazem parte do que precisa ser comunicado para que a produtividade melhore e os problemas sejam corrigidos.

Falta de cooperação

Não deveria, mas é comum que informações nas empresas não sejam repassadas ou que sejam disseminadas de maneira distorcida com o objetivo de prejudicar o colega. Além disso, existem as famosas “puxadas de tapete” que normalmente são permitidas por alguma falha na comunicação, principalmente entre líderes e liderados.

Hierarquia

Nas empresas mais atuais, onde a geração Y já é predominante, a hierarquia não chega a se tornar uma barreira de comunicação. Porém, em empresas mais tradicionais, dirigir-se às pessoas de cargos mais elevados pode requerer certos protocolos que se tornam empecilhos importantes à boa comunicação.

Excesso de informações

Assim como a omissão, ou seja, a falta de comunicação, o excesso também é prejudicial. Muitos comunicados, tanto por e-mail, como impressos ou cara a cara, podem sobrecarregar os receptores e fazer com que sequer consigam assimilar o que está sendo dito. Portanto, filtrar a comunicação é muito importante para evitar esse excesso.

Fragilidade de relacionamentos

Outro grande vilão que se transforma facilmente em barreira de comunicação são os relacionamentos rompidos ou difíceis entre membros da equipe. As fofocas e o excesso de competitividade normalmente são os grandes responsáveis por esse tipo de situação e devem ser evitados a todo custo.

Como evitar as barreiras de comunicação nas empresas?

Quebrar as barreiras de comunicação dentro de uma empresa requer uma série de cuidados, como:

  • investir na manutenção dos equipamentos de comunicação;
  • evitar o distanciamento hierárquico;
  • incentivar os bons relacionamentos;
  • criar uma cultura de feedbacks constantes;
  • motivar a cooperação;
  • coibir o preconceito.

Neste post, você pôde entender melhor as causas e consequências das barreiras da comunicação dentro de uma empresa e aprender algumas formas de superá-las. Assim, você poderá evitar sérios problemas para empresa e garantir a manutenção da produtividade, da qualidade do seu produto ou serviço, da satisfação do cliente e dos profissionais que integram a sua equipe.

Agora que você entende o que são e como superar as principais barreiras de comunicação dentro de uma empresa, que tal compartilhar este post em suas redes sociais para que mais pessoas tenham acesso à solução dessa importante questão?

Relacionados